sexta-feira, 16 de maio de 2014

Mini Albúm _ Mães na Primavera

 Olá Pessoal, Desafio Design Tem _ Maio/2014



Mini Albúm_  inspiração criativa_ Mães e Primavera

                                             by Rocosta 2014

Material ultilizado_ Papelão cinza gramatura 1.2, papel canson preto gramatura 180, papel de Scrapbook  Flavia Terzi _coleção Família Vintage fotografia e Família Vintage Acessórios,  Papel scrapbook Ivana Madi _ coleção Classic Floral Hortência, carimbeira Distress Ink Ranger, Faca de corte sizzix Tim Holtz,  fita adesiva dupla face, cola de silicone, fita banana, flores, conchas do mar, apliques a laser ramos e passáro, strass,  avimento sianinha. Simples e de  fácil execução.

                                        by Rocosta 2014

    Mini Albúm _  montagem  completamente diferente  lombada  com as páginas em destaque Capa.

                                                          by Rocosta 2014

 Bolsos  para Tags,  photo mounting (montagem de fotos) journaling (texto que descreve sua página de recados ou fotos).
                                                          by Rocosta 2014


                         Contracapa Mini Albúm

                                                                        Mosaico 

Desafio Design Tem _ Maio/2014 

Agradeço ao convite da Paper Scrappers http://paperscrappers.ning.com/ mais um desafio bem divertido _  Comunidade de Scrapbooking Européia


segunda-feira, 12 de maio de 2014

História do Scrapbook _ Curiosidade

História do Scrapbook

A partir de 1600, primeiro na Alemanha e depois na Inglaterra, surgiu uma forma de compilar informações que incluía receitas, citações, cartas, poemas, em um livro, único, de interesse exclusivo do seu criador. Eram como obras melhoradas dos mesmos livros usados até nos dias atuais, onde amigos ou clientes  escrevem seus nomes, títulos e textos curtos ou ilustrações, a pedido do proprietário do livro, a título de memorábilia.

Ao longo da história, essas edições artesanais e particulares foram incrementadas com lembranças de viagens para a Europa, pequenos objetos recolhidos nos lugares visitados, frases descobertas em livros e em meditações durante o deslocamento, desenhos de brasões e até obras de arte encomendadas a artesãos locais, - tornando-se álbuns.

Em 1775, James Granger publicou uma história da Inglaterra com várias páginas em branco ao final do livro. A intenção do autor era que as páginas fossem utilizadas para o leitor personalizar a obra com suas próprias recordações - essa prática com o tempo ficou conhecida como "grangerizing".

Ainda entre os  séculos 18 e 19, os álbuns de amizade e anuários escolares oferecidos às meninas para partilharem suas habilidades literárias, surgem como a oportunidade de documentar a sua própria recordação histórica. No final do século XVIII, uma nova tecnologia, surge a impressão em cores.

Na Alemanha, apareceram Die Cut-brilhantes impressos em papel, sucatas (glandzbilder, em alemão). Inicialmente eram sobras de trabalhos de impressão e, por vezes utilizado na padaria para a embalagem especial de pão. Logo, o interesse por colecionadores para coletá-los em álbuns, chamados de "Glansbilled" (holandês). Estes álbuns iriam se tornar mais populares até o final do século XIX. A primeira fotografia permanente foi criada por Joseph Nicéphore Niépce, em 1826, e será a fotografia moderna uma revolução nos antigos álbuns particulares.

O scrapbook tornou-se popular depois da publicação de um livro chamado “Manuscript Gleanings and Literary Scrap Book” de John Poole, em 1826. Este livro era uma coleção encadernada de poemas impressos e gravuras, além de conselhos sobre como conseguir organizar os scraps.

Nos Estados Unidos, a arte do Scrapbook chegou há mais de cem anos, desenvolvendo-se principalmente em regiões como Salt Lake City, em Utah, onde se concentram muitas famílias da religião Mórmon. A fotografia tornou-se disponível para população cada vez maior, com a invenção de fotografias em papel de George Eastman, no final 1880; e a produção em massa da Kodak Brownie, uma câmera projetada simples, de baixo custo, mecanismo suficiente para uma criança acioná-la, em 1900. Isto permitiu começar a incorporar fotografias nos scrapbooks. Estas primeiras experiências tendem a incluir fotos montadas com photo mounting cantos, notações em uma foto ou onde e quando foi tirada, muitas vezes incluído pedaços de memórias, como recortes de jornais, cartas, etc.

Scrapbooking moderno além da coleção de fotografias, bilhetes, cartões postais e outras recordações, journaling é muitas vezes um elemento principal em scrapbooks modernos. Journaling é um texto que descreve, explica, ou acentua as fotografias em uma página de recados. Journaling contemporânea pode assumir muitas formas. Pode ser reflexivo e histórico ou simplesmente uma lista de palavras. Journaling pode também incluir letras de músicas, citações e poemas. O valor de journaling oferece contar histórias da família e podendo ser preservadas. Muitos consideram diário um dos elementos mais importantes de qualquer página de recados. Journaling é uma escolha pessoal descrever o evento, as fotografias relacionam sentimentos e emoções. Journaling escrita à mão é considerado o melhor por alguns scrapbookers que vêem a caligrafia tão valiosa para a posteridade.

O scrapbook pode ser tanto artesanal quanto digital. Enquanto a técnica clássica de scrapbook consiste no uso de cola, tesoura, papel, objetos e fotografias, o scrapbook digital utiliza editores de imagem e programas para a manipulação de objetos na tela. 1980 é o marco do Scrapbook moderno, nesse ano Marielen Christensen compartilhou 50 volumes dos livros de memórias de sua família na Conferência Mundial sobre recordes, em Utah. Os álbuns geraram tanto interesse que a família Christensen abre a primeira loja de varejo Keeping Memories Alive (Manter memórias vivas). Hoje em dia existem várias técnicas para serem aplicadas em seus projetos, o tipo de material ideal é o Acid Free, livre de ácido. Um resumo da fascinante História do Scrapbook, graças a internet :)


sábado, 3 de maio de 2014

National Scrapbook Day!

Olá pessoal, o Dia  internacional do Scrapbook comemorado no primeira sábado do mês de maio. Hoje é um dia perfeito para você iniciar seu projeto. Desafio Design Team ganhei entre outras scrappers destaque do mês de maio. Agradeço ao convite da Paper Scrappers http://paperscrappers.ning.com/ comunidade Scrapbooking Européia.


                                        by Rocosta 2014


                                           National Scrapbook Day!



       

Livro de colorir _ The timer chamber

Olá pessoal,  curtindo  muito esse livro de Daria Song.  Estou usando lápis de cor da Prismacolor, aos p...